Dicas para um Carnaval Bem Biscate

dicas de carnaval2Vai chegando o Carnaval e as biscas todas vão se animando. Como cada bisca tem seu estilo, tem quem se acabe atrás do trio elétrico, quem vai no carnajazz alternativo, quem se une com os amigos roqueiros, quem se enfia em uma praia deserta…as opções (e a aparente falta delas, tem quem vai tomar banho de mangueira no quintal e é super divertido) são várias.

O que uma bisca mais rodada sempre sabe é que o Carnaval é época propícia pra surgir um novo lance, pra incrementar o lance de sempre, pra alternar lances, enfim, é carnaval, a carne vale…

E é reconhecendo esse cenário que a galera do clube pesquisou nos alfarrábios (vulgo boas memórias, confidências alheias, etcetera, etcetera) e fez uma listinha de sugestões pra animar os pulos (inclusos os de cerca) nessa festa pagã.

Embora nós aqui achemos que todo tempo é tempo pra uma boa diversão a dois, a três, a quatro (ups), e que liberar as amarras apenas em uma época do ano é privar-se de muito tempo de prazer, não somos nós que vamos regular os limites, desejos e anseios de cada um, né. Nosso trabalho aqui é pitacar pra você ter uma folia ainda mais gostosa.

São sugestões, não temos manual nem roteiro. Se não quiser mais dica nenhuma, fica só com essa: faça aquilo que você nunca ousou antes, mesmo que a vontade tenha sido grande.

dados-adultos-de-posicoes-sexuais-sexo-romance-amor_MLB-O-3315405972_102012Das Posições: use e abuse. A imaginação é super aliada. Mas se você chegou, cheirou, agarrou e na hora do rala e rola se assustou com o tamanho maior ou menor do pênis dx coleguinha, nós temos a solução pro seu problema: um ou dois travesseiros embaixo do quadril e uma penetração mais suave e profunda. Não vá perder a chance de um bom momento por preconceitos, afinal já conversamos no biscate que tamanho não é documento (Pau Grandescência ou sobre Bucetinhas e Paus Enormes)

Das Bebidas: Bebeu e amoleceu? Gente, carnaval é carnaval… o povo bebe, né? E, como se sabe, quando se bebe muito, existe o risco de paumolescência aguda. Rola, todo mundo sabe que rola. Não é falta de tesão, é excesso de álcool. O toque? Relaxa, acaricia, esfrega, se esfrega, usa dedo, usa mão, usa língua. Desencana da penetração. Aproveita a hora e goza o momento. Pau duro é bacana e nóis gosta é muito. Mas não pode ser condição sine qua non.

fio-terra

Do Fio Terra: Já faz tempo que vocês estão enrabichados e você está naquela vontade e nada? Fia, se você ainda não falou com seu parceiro sobre estimulação anal e afins essa é a hora. Tem de ser uma sugestão, notou o grifo? Nunca como um desafio. A técnica funciona tão bem com alguns parceiros que ficam tão abertos (não resisti) pra ideia que pedem para fazer. Nessa hora faça cara de paisagem e deixe ele pedir uma, duas vezes. Ai você entra (opa) em cena. Mas não em tom triunfal fia, o segredo é o j.e.i.t.i.n.h.o, de novo. Tem que ser com carinho, sempre criando mistério. O resultado? O tabu deixa de ser tabu e vira uma delícia entre o casal.

óleo de amêndoa com colágenoDa Lubrificação pro Sexo Anal – algumas vezes não precisamos de agentes externos, o trabalho prévio conjunto já pode ter garantido uma lubrificação própria. Mas não custa incrementar, só pra garantir. Pra tudo correr mais gostoso e (até) cheiroso, creminhos e lubrificantes são bem vindos. Especialmente se os dois estão animados por álcool e a paciência tende a falhar, não é? Recomendamos: óleo de amendôa com colágeno — e o colágeno faz toda a diferença para o cu. Quem quiser já seguir essa dica, está à venda em farmácias, não é caro e rende muuuuuuuito. Outra uma ky sachêboa sacada pro carnaval é o gel lubrificante que vem em embalagem individual do tamanho de embalagens de camisinha porque dá para colocar no bolso…ky sachê custa uns quatro reais na farmácia. Má ideia: leite de rosas e óleo de ameixa do Boticário, experiências confirmam que arde pacas e margarina com sal nem-pen-sar! Na falta de alternativa, óleos comestíveis. O nome já indica, né…

Do Vestuário: não, não vamos dar dicas de moda. Vamos só partilhar o segredo do nosso sucesso: short soltinho. Claro que blusa tomara que caia também é um must da estação carnavalesca, mas o shortinho folgadinho nas pernas é im-ba-tí-vel. Como não amar uma roupitcha que você dá uma afastadinha, coloca de lado e está garantido o livre acesso?

na piaDos Móveis e Utensílios: rapidinhas são uma das grandes atrações do Carnaval, bateu tesão, a galera #sejoga com empolgação. E os banheiros costumam ser um dos lugares preferidos, entre outras coisas, pela chave, né? A rapidinha sentada na pia costuma ser uma delícia, mas não custa dar aquela verificada na resistência e confiabilidade… a dica se generaliza pra mesas, bancadas, muretas e outras coisas igualmente tentadoras. Depois sair com cara de quem não fez nada demais ou com um olhar de gato que engoliu o passarinho (rá) faz parte da diversão…

Dos Carros: Embora o Carnaval costume incorporar vários percursos a pé, mesmo a carnavalesca mais empolgada pode ter seus momentos de fraqueza e reconhecer que amar a pé é lenha.

Daí, se você e o lance estiverem no carro e pintar a vontade, não se acanhe, depois de encontrarem um bom lugar pra estacionar, puxarem o freio de mão, engatarem uma marcha (minimiza os riscos do carro sair deslizando com o movimento), é só arriar o banco do passageiro (muito mais confortável que o banco traseiro na maior parte dos carros), sentar x coleguinha lá, sentar-se no colinho e mandar ver. Vidros com (aquele lance escurecedor que esqueci o nome) são boa pedida.

Das Ressacas: misturar chá verde com bebida no carnaval, por dois motivos: primeiro, e o mais importante, chá verde é afrodisíaco e segundo é porquê ajuda a curar a ressaca do dia seguinte!

89Das Técnicas Refinadas: Beijo grego, pompoarismo, haraquiri-baiano…Ouviu falar e não sabe o que é? Ou sabe e não tentou ainda porque quer mais informações? #VemGente! Beijo grego é facinho: lamber, beijar e chupar o fiofó. Conte com a sua empolgação e com a sensibilidade dx parceirx e já está com meio caminho andado. Pompoarismo: sugerimos que treinar com com dildo é melhor do que com as bolinhas. Pra saber se tá apertando bem e usando todos os músculos, uma dica saborosa: aqueça levemente uma banana, bote camisinha nela e aperte. Assim você vai saber como está a performance. Atenção: banana com casca, hein. E o haraquiri-baiano (a explicação da modalidade baiana desse haraquiri vamos ficar devendo), você se pergunta entusiasmadx, pois lá vai: melhor hora pra fazer é  nas preliminares ou já no fim da brincadeira, principalmente se a mulher ainda não gozou. Faz assim: dedos indicador e médio enfiados no ânus e polegar enfiado na vagina; aí massageie como se tivesse fazendo  movimento circular localizado do polegar nos outros dois dedos; use a boca com criatividade…Uma dica super importante: nojinho e sexo não combinam nadica. Deu vontade? Prove. Experimente.

 E, claro, não esquecer: camisinha no bolso, sempre.

dicas de carnaval

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

3 ideias sobre “Dicas para um Carnaval Bem Biscate

  1. Queridxs companheirxs de biscatagi,
    Pirei nas dicas!!! hahahaha Ameeeyyyy!
    “Uma dica super importante: nojinho e sexo não combinam nadica.” regra báááásicaa, ne gentiii
    senão num dá pra aproveitar direito!
    Super beijos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *