Todas Essas Coisas Sem Nome – 6o Capítulo

Esse é o sexto capítulo do livro de Raquel Stanick intitulado Todas Essas Coisas sem Nome. Sua primeira, única e artesanal edição encontra-se esgotada.

Os capítulos seguintes serão publicados quinzenalmente aqui no Biscate Social Club.
As ilustrações utilizadas nos posts serão da mesma autora, vindas da série Ceci n’est pas un blog.

Boa leitura!

20

Hoje eu estava só. E segura.

Não lembrava meu nome até a terceira cerveja. Desse tipo besta de segurança. Eu fiquei triste, homem, e eu não soube me defender. Não teve sarcasmo, nem ironia, nem aquele meu orgulho – dos quais te davam orgulho de me ter ao teu lado. Porque empinava o queixo, as costas e o peito.

É, eu fraquejei. Estou cansada.

Você não me ama mais, eu sei.

Mas tenho que te contar de alguma forma.

Hoje eu liguei para uma amiga, pedindo para que ela me desse apenas um único motivo para não apertar nenhuma tecla naquela porra de celular que não fosse definitiva. Porque de você não quero resultados. Quero os problemas.

Não liguei. Porque eu não saberia o que dizer, porque não quero que você me guie via Embratel. Mas e agora, como dizer que não quero o que não quero?

Por que continuo te escrevendo mesmo sem resposta?

Você vai ser o referencial sempre? Porque você é sempre, lembra, meu amor? Lembra?

Se eu responder por você, estarei contando a verdade?

Ah, eu ainda quero saber, porque estou só. Tua voz. Quero me saber na tua voz.

Qual tem sido o teu caminho? O que você tem feito? Você nunca tropeça ao pensar em mim?

(link pro prefácio e primeiro capítulo)

(link pro segundo capítulo)

(link pro terceiro capítulo)

(link pro quarto capítulo)

(link para o quinto capítulo)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *