Quem tem fama…

#AlmaBiscate
Por Renata Lima

Não nasci biscate.

Me fiz biscate.

Nasci mineira, da tradicional família.

Mas sou ousada (palavras, em tom elogioso, de meu pai).

E por pensar diferente de alguns muitos e muitas, por agir diferente (nem sempre melhor, claro), muito nova, sem mesmo provar o gosto da fruta, já fui tachada de má-companhia.

Decorrente da língua de jovens homens que seguiram (seguem?) o roteiro, de falar mais do que realmente fizeram, de contar como vantagem, o que pra nós, mulheres, tem que ficar escondido.

E o primeiro namoradinho, tadinho, veio com tanta sede ao pote, achando que eu era… galinha, fácil, biscate…

Não era, ainda.

E ele se descobriu namorando uma jovem da TFM, com um pai zeloso e horários para chegar. Depois do primeiro “avanço” e do esclarecimento, o temor de se/me comprometer. E ele saia da minha casa, onde me deixava, virgem, pura, intacta, e ia se encontrar com uma ex (soube disso anos e anos depois, pela ex, imagine que mundo pequeno… realmente, Ovorizonte. )

O fato é que um dos primeiros caras que beijei, em uma festa, num canto, disse pra todo o colégio que me “comera”. E todos acreditaram… menos eu, que só fiquei sabendo mais de ano depois.

A verdade é que a fama não me fez deitar na cama. Pelo contrário. Por mais que eu quisesse, as vezes, temia o momento. Era romântica, jovenzinha, e queria toda a coisa de luz de velas, declarações de amor e um príncipe no cavalo branco.

Vieram príncipes. E sapos. E ogros. E dragões.

E demorei muito, muito tempo, para realmente descobrir o que eu desejava. Desejo: Amor. Respeito.

Sexo.

No fim das contas, com um ou com vários, o que define uma biscate, ao menos para os outros, é uma mulher admitir, em público, que gosta de sexo. E que faz.

Com amor, sem amor.

Mas sempre, com respeito. Respeito por si, respeito pelo parceiro.

Respeito pelos limites e pelos momentos uns dos outros.

Sempre questionei tantos duplos padrões, tantas coisas que meu irmão, mais novo, podia fazer, e eu não. Horários, locais. Mas admito que tive mais liberdade que a maioria das colegas da minha idade. Para as mães delas, eu era muito “solta”.

Hoje, me identifico cada vez mais com o texto da Márcia, biscate convidada, sobre ser Biscate Loser.

Sim, eu sou.

Ainda que não biscateie tanto quanto desejaria (ou quanto as vezes parece que biscateio), minha biscatagem é constante.

E é constante na busca da coerência de não julgar, de não medir outras mulheres (e até homens, claro!) pela mesma régua com a qual fui medida.

Nem sempre é fácil, e as vezes escorrego. Em pensamentos, e até em palavras. Mas me arrependo (sim, Jesus, vem e me chama de Madalena, seu lindo!) e logo volto a persistir no propósito:

Se não veio o anjo e me disse para ser biscate na vida, eu mesma decido e digo que sim, eu sou biscate, prá vida!!

E com a ajuda do super time de biscates super poderosas (e poderosos), sei que vencerei!

Primeiro Aniversário Biscate… ♥

Ai, que susto! Não, pera…

Quando é para comemorar aniversário a gente enfeita a casa e deixa tudo mais colorido e alegre, né? Pois é. Exageramos? Exageramos, êêêê! Pesamos a mão e nossa casa ficou meio over. É FESTA NO APÊ! Essa semana ficaremos com esse visual. A gente aproveita e pergunta o que vocês acham do cara do Club. Gostam mais minimalista, clean como antes ou mais colorido e estiloso?

Bom, a nossa gordinha sexy deu uma saidinha da janela ali de cima porque foi tirar o rest… digo, trocar de roupa para os festejos do níver. Mas fizemos uma fotinha e demos um jeito de mantê-la aqui com a gente.

festa no apê!

Amanhã, 17 de dezembro, o Biscate SC completa um ano de vida. Parece que foi ontem que nos indignamos com aquele post xexelento que tentava nos classificar entre mulheres incríveis e biscates. Fizemos nossa escolha e passamos um ano inteirinho sambando na cara do moralismo e do preconceito. E nessa semana de festa — sim, teremos uma semana inteira de festejos biscates — não será diferente.

No nosso aniversário, óbvio, tem um cantinho especial para os leitores. Queremos saber de quem nos acompanha um dos posts que você realmente gostou nesse um ano de biscatagi. Responda nos comentários aqui, na nossa página no Facebook ou tuíte o link do texto escolhido citando @BiscateSC. Essa ação é específica para as redes sociais e as respostas dos nossos leitores estarão no nosso twitter e facebook.

Fizemos a mesma pergunta, qual melhor post, @s biscas escreventes fix@s numa espécie de mandala ou amigo secreto. Este será o post de amanhã, dia 17 de dezembro, com a seleção dos melhores posts de nossos escreventes escolhidos entre eles mesmos com uma pequena apresentação justificando a escolha.

Na terça-feira (18) faremos uma seleção comentada dos motores de busca do Biscate SC. Afinal, não é só uma curiosidade nossa saber como internautas chegam até nós. Na quarta (19) é a vez dos comentários dxs inúmerxs biscates convidadxs que passaram por aqui nesse ano. Esses recados e comentários estarão disponíveis também na nossa fan page no Facebook.

Na quinta-feira (20) é dia de fazermos um balanço sobre os espaços onde intervimos nesses doze meses e que “mundamos” (verbo novo, criado especialmente para essa festa) neles. Será que o mundo ficou mais biscate? Mundou?

E se o mundo não mundou o suficiente até agora, é hora de darmos uma chacoalhada nele. Na sexta (21), que é dia de gandaia geral, vai ter strip-tease biscate. Uhu! Tirem as crianças da sala, fujam pras montanhas, fechem os olhos se não quiserem ver, mas o time biscate estará aqui, despido, de peito aberto, desavergonhadamente. Será tanto assim? Tanto mais, tanto menos…? Isso, claro, se o mundo não acabar. Ou será que o mundo vai acabar por causa do nosso strip-biscate-coletivo? 😛

previsão para o fim do mundo

previsão do tempo para o dia 21, dia do strip-biscate-coletivo: A TERRA VAI TREMER!

No sábado (22), na ressaca dessa bundalelê todo e do fim do mundo, teremos a melhor parte dessa festa. O título do post e a ordem geral do dia será QUEM AMA O BISCATE LEVANTA A MÃO E DIZ PORQUÊ! Se você nos ama é hora de gritar ao mundo e dizer o porquê. O post será uma coletânea dos comentários e votos de aniversário que receberemos durante a semana aqui, no twitter e facebook. Manifeste seu amor por nós!

E, claro, fica tomo mundo curioso onde vai dar esta bagaça (porque onde cada um@ de nós vai dar é sempre uma surpresa, uma alegria e um prazer)… daí que no domingo (23), já nos 45 minutos do segundo tempo dessa festa de arromba, vamos conhecer o mapa astral do nosso Club. Ou seja, tudo-aquilo-que-você-sempre-quis-saber do Biscate e nunca soube como perguntar (oi, Woody).

Todos os posts especiais da semana estarão reunidos no banner com a nossa gordinha aqui na coluna do lado, bem lá no topo. Ela é anfitriã dessa festa. Acompanhe o agito em #UmAnoBiscateSC

Por fim, resta dizer que finalmente migraremos para o nosso endereço próprio e teremos casa e cara nova. Se não for possível fazer isso logo depois da festa (sabe comé ressaca de festa e tem toda a sujeira para limpar…), do reveillon não passa. E aí já será outra festa…

p.s.: Não, não é mera coincidência o “fim do mundo” colidir com nosso níver… 😀

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...