Carta para um amor inacabado

(a liberdade tem tomado conta da minha vida e do meu coração)

*Preferi colocar trechos de músicas aleatórias e que não são as músicas que me lembram esse amor para manter a discrição de quem é a tal pessoa!*

Meu amor, cadê você?

Eu acordei

não tem ninguém ao lado…

Não, não me dói a sua falta, não me dói ter durado poucos dias. Na verdade, foi fácil, gostoso e simples, você não me prometeu nada, te amei sem nenhum planejamento, te amei sem insegurança. Amei por amar, desejo de ter o sentimento sem exigir nada de você. Não, também não foi o seu sumiço que me fez não te amar mais, também não foi um outro amor que me fez deixar de te amar, apenas passou, como um sonho bom passa quando acordamos depois de uma noite de belos delírios!

Sim, sinto muito, sinto por não ter te conhecido tão bem como queria, sinto por estar longe e não pude te aproveitar durante esse amor, sinto por nunca ter perguntado se eu tinha chances. Em momento algum senti minha posse, só sentia preocupação, sentia vontade de te proteger. Não, não desejava que fosse meu amor, te amava livre! Mas desejava te cuidar, te colocar longe da infelicidade, frustração, trauma e dor. Como sonhei estar perto para te cuidar quando precisou de cuidados! Sua vontade de ir além de minhas mãos me fez te amar, não sabia estar perto e sob cuidados, isso me deixava fascinada. Tão frágil a primeira vista e tão independente, são tantas as suas vontades, que, ao te ver, me sentia animada a voltar a ser o que já fui!

Labirinto - filme que, para mim, é o melhor para falar de amor, fantasias e expectativas românticas. O primeiro filme que povoou meu imaginário pré-adolescente quando falava de amor!

Labirinto – filme que, para mim, é o melhor para falar de amor, fantasias e expectativas românticas. O primeiro filme que povoou meu imaginário pré-adolescente quando falava de amor!

O motivo desse amor ser tão perfeito? Nunca ter continuado ou terminado. Não tivemos brigas, discussões, não criamos rotinas chatas, não nos cobramos. Sim, te amava pois estava longe, distante e, mesmo nessa distância, meu coração te sentia perto, aquecia meus sentimentos e me fazia sorrir. Hoje, ainda ouvi uma das músicas, das tantas que me lembram você, quis chorar, sorri de leve e meus olhos brilhavam. Como brilharam quando tive você perto pela primeira vez.

Sinto vontade de te rever, não sei como reagiria, se o coração bateria mais forte, se te olharia apenas como umx amigx, mas quero te abraçar e ver seu sorriso novamente, simplesmente porque ainda me cativa lembrar dele. Se isso não é um adeus, até logo! E não se esqueça de mim, você será parte de minha história!

Em paz eu digo que eu sou
O antigo do que vai adiante
Sem mais eu fico onde estou
Prefiro continuar distante…

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...